11 séries documentais do Netflix sobre a Índia para ver na quarentena

Dando sequência ao post anterior de 11 filmes sobre a Índia para ver na quarentena, levantei 10 episódios de séries documentais sobre a Índia que estão disponíveis no Netflix.

Com exceção do primeiro, todos os mini-documentários fazem parte de séries de produção da Netflix, todas MUITO bem feitas e MUITO interessantes! São abordados os temas: comida, esporte, fotografia, arquitetura e tabus. Dos 11 selecionados, 7 têm menos de 30min, o que dá para “maratonar” em um dia!

Bom… Chega de papo, né?!

Confere aí!

1) Absorvendo o tabu

absorvendo o tabu

Duração: 26min

Lançamento: 2018

Nada mais justo que começar essa lista com o ganhador do Oscar 2019 na categoria “melhor documentário de curta-metragem“. “Absorvendo o Tabu” (ou “Period” em inglês) documenta a chegada do “The Pad Project” em Hapur, vila à 60 km de Délhi.

O The Pad Project é uma ONG que viabiliza a compra de máquinas de absorventes por comunidades ao redor do mundo onde as mulheres não usam absorventes.

O documentário começa com um série de entrevistas com as mulheres de Hapur sobre menstruação. Elas têm bem pouca informação sobre o assunto, ficam constrangidas em conversar e quando as perguntas são feitas aos homens, dizem que menstruação é “doença de mulher”. Além disso, também é mostrado que mulheres abandonam os estudos pelos constrangimentos da menstruação, a visão negativa das tradições hindu sobre a menstruação e a dificuldade dos homens indianos em conversar sobre absorvente, ignorando o assunto e dizendo que são “fraldas”.

Esse é um dos maiores tabus da Índia, menos de 10% das mulheres usam absorvente, mãe e filha não conversam sobre o assunto, marido e mulher não conversam sobre o assunto e amigas também não conversam entre si.

O documentário registra a aquisição de máquinas de baixo custo para produzir absorventes e a jornada empreendedora de um grupo de mulheres enquanto se organizam como empresa, na produção e venda dos absorventes. Além o empoderamento de terem uma fonte de renda e consequentemente, aumentam sua auto-confiança.

2) Ugly delicious: isso não é curry

uglydelicious

Temporada: 02

Duração: 50min

Lançamento: 2020!

Série estreiada por David Chang, carismático chef e dono de uma série de restaurantes em Nova York que se propõe a investigar culinárias diferentes ao redor do mundo.

O episódio começa com David dizendo que não sabe nada sobre culinária indiana e depois faz duas visitas para entender melhor sobre assunto: apartamento de Padma Lakshmi (modelo e atriz indiana que mora nos EUA) e a casa da família de Aziz Ansari (comediante filho de indianos).

David e Aziz fazem uma viagem gastronômica à Índia onde vão à feira, vão a um rodízio de talhi (onde explicam o conceito de “curry”), vão à um restaurante de um chef famoso nos EUA que “gourmetiza” comidas de rua, vão em um restaurante de ayurveda, comem comida de rua, vão à um mercado de temperos e conhecem um buffet de casamento que cozinha para MUITA gente.

Em paralelo, mostra como a culinária indiana entrou em outros lugares como Japão, Alemanha, caribe e o fenômeno da comida indiana na Inglaterra: hoje em dia, existem 10 mil restaurantes indianos na Inglaterra que atendem uma demanda de 2/3 das pessoas que saem para jantar.

Além disso, David se reúne com 3 críticas de gastronomia indiana nos EUA e uma delas visita um fast food indiano em São Francisco.

3) Seguindo os fatos: Padrões de beleza em Bollywood

seguindofatos
Rega Jha entrevistando cirurgião plástico

Temporada: 02

Duração: 16min

Lançamento: 2018

Série de jornalismo investigativo da BuzzFeed. Assunto que sempre quis abordar aqui no blog, esse episódio fala de um tema muito interessante e “tabuzado” na Índia: o padrão de beleza. De forma muito triste, a Índia busca o padrão de beleza ocidental e devido a isso, é um dos países que mais faz cirurgia plástica no mundo e esse assunto é um grande tabu a ser discutido.

A jovem jornalista de Mumbai, Rega Jha, sai em uma jornada para entender melhor o assunto e para isso, entrevista um médico cirurgião plástico, um jornalista de revista de fofoca e uma atriz de Bollywood.

4) Seguindo os fatos: Utopia indiana

DSC_0568
Foto que tirei em Auroville em 2017 (ainda estou devendo um sobre essa cidade!)

Temporada: 03

Duração: 16min

Lançamento: 2018

Na terceira temporada da série, Rega Jha vai até Auroville, uma cidade internacional no sul da Índia, sem moeda, sem religião e sem políticos. Ela chega lá achando que é uma seita como a de Osho na série Wild Wild Country mas muda seu ponto de vista após uma série de entrevistas com os moradores da cidade.

5) Explicando: Críquete

explicando

Temporada: 01

Duração: 16min

Lançamento: 2019

Explicando é uma série do Netflix que se propõe a explicar um tema de forma organizada em um tempo curto. Nesse episódio, é resumido tudo sobre o esporte críquete: a origem do esporte na Inglaterra, suas regras, como chegou aos países colonizados pelos ingleses, como virou uma paixão nacional na Índia, como a liga indiana virou um showbusiness com grande demanda, a rivalidade da Índia com Paquistão e o novo formato do esporte.

DSC_0173
Adolescente jogando criquete em Ahmedabad

Quem se interessar pelo assunto, tem uma série chamada “Cricket fever: Mumbai indians”, de 8 episódios de 40min.

6) Street food: Déli

streetfood

Temporada 01: Ásia

Duração: 30min

Lançamento: 2019

Essa série só tem uma temporada até agora, que é sobre a Ásia. Em cada episódio, é escolhida uma cidade, são apresentados cozinheiros ambulantes que vendem comida na rua e são contadas as histórias das pessoas e dos pratos.

Esse episódio sobre Délhi, conta-se a história de 4 cozinheiros diferentes e suas comidas. As receitas são de família e se entrelaçam com a história da cidade.

Quem tiver mais curiosidade sobre comidas de rua da Índia, fiz uma publicação só sobre esse tema aqui.

7) Tales by Light: Vida e Morte parte 1

tales2
Fotógrafo Stephen Dupont

Temporada: 02

Duração: 25min

Lançamento: 2018

Tales by light é uma série que acompanha fotógrafos profissionais em seus projetos, na segunda temporada, tem um episódio com o fotógrafo Stephen Dupont.

Esse episódio começa na África com o fotógrafo contando sua bagagem em cobrir guerras e falando sobre sua percepção da morte. De lá, ele vai para Varanasi (também estou devendo uma publicação sobre essa cidade) buscar entender a cerimônia de cremação no Rio Ganges, onde conclui que aquilo é uma celebração da vida.

8) Tales by Light: Himalaia

tales3
Richard fotografando no Holi

Temporada: 01

Duração: 23min

Lançamento: 2018

Nesse episódio, o fotógrafo Richard I’Anson começa em um monastério budista no Butão, fotografando a rotina e cerimônias dos monges.

Depois, Richard vai para 3 lugares diferentes na Índia: Ladakh, parque Nacional de Bandhavgarh e Vrindavan. Em Ladakh (região na parte dos himalaias indianos), o fotógrafo parte em um expedição em áreas montanhosas para fotografar o leopardo-das-neves.

No Parque Nacional de Bandhavgarh, parque conhecido por ser uma reserva de tigres, ele parte em um safari para fotografá-los. Por último, ele vaia até Vrindavan (cidade conhecida por ser onde Krishna viveu), onde fotografa o Festival Holi,  se enfiando no meio de multidões apertadas para registrar o festival.

9) O próximo convidado com David Letterman e Shah Rukh Khan

srk

Duração: 1h01min

Lançamento: 2019

Ok, fiz uma exceção para uma entrevista porque além de ser muito interessante, tem muita informação sobre a Índia.

David Letterman é uma espécie de “Jô Soares americano” (versão carismática! rs), ou seja, ele tem um talk show e nesse episódio, entrevista Shah Rukh Kahn, também conhecido como “o rei de Bollywood”, o ator mais famoso e bem pago da Índia.

Eu já tinha ouvido falar do “SRK” mas ainda não tinha tomado a iniciativa de pesquisar mais sobre ele e essa entrevista é cheia de informação. A entrevista embaralha trechos da entrevista em um palco nos EUA, trechos na casa de SRK em Mumbai, e trechos de David andando em Mumbai.

SRK conta como foi sua infância em Délhi, sua criação, como começou a fazer cinema, como era a televisão na Índia antes de ele começar a fazer cinema, seu relacionamento com os filhos, seu relacionamento com os fãs, cricket e muitos outros assuntos.

10) As casas mais extraordinárias do mundo: Índia

Temporada: 02 parte B

Duração: 45min

Lançamento: 2019

Nessa série, arquitetos visitam casas extraórdinárias pelo mundo. Nesse episódio, Caroline Quentin e Piers Taylor vão à 4 casas de veraneio de milionários de Mumbai em uma região de cerrado próximo à cidade.

11) Chef’s table: Gaggan Anand

chefs-table-1200x630-min

Temporada: 02

Duração: 48min

Lançamento: 2019

Série sobre chefes ao redor do mundo, esse episódio conta toda a trajetória de Gaggan Anand, chef e dono do Gaggan Progressive Indian Cousine de Bangkok na Tailândia.

O episódio começa com Gaggan falando da riqueza da culinária indiana e como ela é vista como uma culinária que não é refinada. Então ele começa a contar sua história a partir da sua infância no sul da Índia, conta como tinha dificuldades na escola, além das dificuldades que enfrentou por ser pobre. Conta que sua família chegou a viver com luz cortada em casa para pagar sua faculdade e a partir disso, se determinou em agarrar aquela oportunidade para ser o melhor chef da Índia.

A partir desse ponto, ele narra sua carreira profissional cheia de altos e baixos até chegar no seu restaurante em Bangkok, cidade com grande cultura de comida rua. Além disso, ele conta as influências estrangeiras na culinária indiana.

Em paralelo, um crítico de gastronomia conta como é a experiência no restaurante do Gaggan, um rodízio de degustação de 23 pratos gourmet. Mostra quais são os pratos, como são feitos, suas inovações e nomes provocantes.

Bônus: O mundo segundo os brasileiros!

omundo

AHÁ! Achou que ia acabar a lista né?!

Tomei a liberdade de incluir aqui a série feita pela Band entre 2011 e 2017 que já esteve disponível no Netflix e eu particularmente, gosto muito e assisti os 3 episódios sobre a Índia antes de morar lá!

Os 3 episódios se passam nas maiores cidades: Délhi, Mumbai e Calcutá. A proposta da série é pegar cidades grandes ao redor do mundo e mostrar como é a vida dos brasileiros por lá.

No episódio de Délhi, participam 5 brasileiros: um rapaz que faz trabalho voluntário dando aula de inglês, outro que é estagiário, uma coreógrafa, uma advogada e um chef de cozinha.

Eles vão em um pooja (cerimônia religiosa) em Haridwar,  vão em um casamento, vão em uma cidade cenográfica, feiras, parques, balada e templos.

Já no episódio de Mumbai, participam 6 brasileiros, entre eles: um analista comercial, um advogado, um analista de sistemas e um rapaz que faz trabalho voluntário dando aula de inglês.

Eles vão em uma cidade cinematográfica, uma igreja católica, templo vipassana, praias, grupo de yoga da risada, casa do Gandhi, um rodízio de talhi, um parque, evento de artes, estação central de trem, feiras, instituto de yoga, maior lavanderia a céu aberto, uma favela, açougue e na casa mais cara da Índia.

E aí, gostaram da lista? Vão ver qual primeiro? Faltou alguma série de documentário do Netflix? Tem algum outro conteúdo sobre a Índia que recomenda?

Se gostou desse post, não esqueça de conferir o post que fiz com indicações de filmes sobre a Índia aqui.

Para acompanhar minhas publicações, siga-me no insta:

@o.cosmopolita

Chalo,

O Cosmopolita

Deixe uma resposta

Powered by WordPress.com. Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: